Lisa Ster Coy

Poesia e algo mais...

Crença

O padecer deste rosto 

Que um dia foste
O que hoje não é
E não sabe se voltará
A sentir este gosto,
Do cair deste sol a oeste.
Do belisco a pulsar desta fé
Que tanto promete, fará
Rolando nesta chuva de agosto
Que ninguém, jamais,
Nunca...

...crê.

 

 Por Lisa Stér Cöy. 

 

<Poesia anterior               Voltar para índice               Próxima poesia>

Faça parte de nossa rede. Para se cadastrar clique em Register, você poderá ter seu perfil pessoal para postar comentários, receber atualizações e novidades do site.